Como contestar o auxílio emergencial saiba recorrer caso tenha sido negado

contestar o auxílio emergencial

Se chegou aqui, provavelmente está meio apreensivo e frustado por ter sido negado no auxílio emergencial. Primeiro, por mais que você já saiba, preciso te dizer que não é o fim. Você ainda tem possibilidade de ser aprovado no auxílio, pois você pode “Realizar solicitação novamente”.

No entanto você precisa ter calma e observar a alguns detalhes. É preciso que pense melhor nas possibilidades que podem ter ocasionado reprovação do auxílio. Como próprio aplicativo exibe de forma clara as possíveis.

  • Você marcou que era chefe da família, mas não informou nenhum membro da família.
  • Você não possui informações do sexo masculino ou feminino na bases de dados do Governo Federal.
  • Você informou alguma pessoa da sua família com informação incorreta de CPF e data de nascimento.
  • Houve divergência entre membros da família que você e que outra pessoa da sua família informou.
  • Você informou alguma pessoa da sua família que possui indicativo de óbito em alguma base do Governo Federal.

Como realizar solicitação novamente da forma correta?

1- Clique em “Realizar Solicitação Novamente”.

2 – Caso você tenha sido uma das pessoas que marcou a opção que era chefe de família, atente-se melhor para este caso, pois só poderão marcar essa opção, pessoas que apenas ela mantém a renda da família, isso inclui mãe solteiras.

3 – Consulte como estão seus dados na base da receita federal de forma online, seu cadastro a solicitação deve está compatível com seus dados na base da receita. Para checar de basta acessar: Clique aqui para Consultar Situação Cadastral CPF, insira seu CPF, data de nascimento e selecione, não sou robô e clique consultar.

Observação: Atente-se bem como será mostrados seus dados, se possível tire uma foto. Na hora de se cadastrar para solicitação novamente, você só precisa ir comparando. E ATENÇÃO, caso haja erro, e você precisa alterar seus dados, você pode fazer isso também de forma online acessando aqui Alterar Meus Dados Na Receita Federal.

4 – Refaça o processo mais lento e concentrado, pois se tratando de preenchimento de dados, você pode facilmente erar na hora de inserir nos campos.

5 – Pergunte a sua família, como foi cadastrado os membros, pois se houver divergência entre membros da família, a caixa não poderá aprova seu auxílio.

6 – Pessoas da sua família que já morreram, não podem mais entrar na lista de membros, então se porventura você faz parte do grupo de pessoas que fizeram isso, só refazer da forma de forma atenta.